sábado, dezembro 10, 2005

Desperto-me ao teu encontro


Fotografia: www.gettyimages.com

Leve e suavemente sinto a tua mão em mim
Lentamente afagando-me os sonhos
Embalando as ilusões
Alimentando os desejos

Sem abrir os olhos entrego-me
Às sensações
Ao despertar dos sentidos
Á plenitude do momento
À força do desejo

Sinto-te meu e dou-me a ti
Perco-me no reencontro do sentir
Afundo-me na redescoberta do querer
Procuro-me no redespertar das sensações
Encontro-me no toque das tuas mãos

O meu corpo desperto
Acaba com a minha calma
O desejo despertado
Invade-me a alma
A alegria de te reencontrar
Morre no acordar

E ver que mais uma vez...só te sonhei

1 Comments:

Blogger lena said...

tantos e tantos sonhos assim, onde se consegue sentir um toque

belo poema!

deixo-te um beijo meu

lena

5:38 da tarde  

Publicar um comentário

<< Home